sexta-feira, 8 de abril de 2011

Vento

E quando o dia é como o de hoje, com sol e vento, é dia de roupa na corda. Há sempre muita roupa, para lavar, estender, passar e arrumar, e quando arrumamos a ultima essa é já afinal a primeira de mais uma pilha... 


E a Mãe de todos que sempre dispensou passar a ferro anda agora cheia de vontade de passar!!
Será dos cestos bonitos que arranjei?
Assim é mais fácil dividir a roupa de todos e dá para serem eles a arrumarem sozinhos, pelo menos os mais velhos.




Fica a ideia