segunda-feira, 31 de julho de 2017

Amamentação na creche

Pois que não seria nada de estranhar este tema, porque em creche os meninos que lá estão estão todos em idade de ainda mamar, mas o que fui fazer hoje não foi dar de mamar na creche, quer dizer, isso também fiz, mas vá ...

Hoje fui a convite das educadoras da Creche de Budens - Santa Casa da Misericórdia de Vila do Bispo falar de amamentação com os meninos dos 12 aos 36 meses.

Foi muito giro estar em frente a meninos tão pequeninos e vê-los explorar os materiais simples e adaptados à sua idade que levei comigo.

Umas fotos lindas de bebés mamíferos a mamar, uma boneca grávida, uns quantos bebés e mamas de lã. Foi o suficiente para uma actividade bem gira e que de alguma forma deixa uma sementinha para o futuro.




Brincar ao faz de conta.


Descobrir onde está  o bebé.


A Rosita e o Zé foram comigo, o Zé aproveitou para rever os amigos que fez na creche e explicar um bocadinho sobre como nascem os bebés, a Rossita explorou a sala e brincou.
Pelo meio os dois quiseram mama, acho que queriam mostrar aos outros bebés como é que é mesmo esta coisa de mamar!



Mais uma experiência muito positiva para  mim como mãe e profissional na área da amamentação.

domingo, 30 de julho de 2017

Calendário ano lectivo 2017/2018

O mês de Agosto está mesmo a chegar, e com ele as férias de muitos pais, mas também os primeiros preparativos para o novo ano lectivo.

Cá por casa vamos ter este ano crianças em 4 níveis de ensino ou 5 se quisermos incluir a Rosita.

Rosita fica em casa com a mãe
Zé vai iniciar a pré e está todo contente porque vai ter uma cadeira amarela e vai poder usar tesouras.
Julieta e João vão para o 2º e 3º anos, 1º ciclo.
Teresa vai para o 5º ano, 2º ciclo.
Tiago vai para o 8º ano, 3º ciclo.

E com isto, importa saber já algumas informações. Aqui fica o calendário oficial do ano lectivo de 2017/18



sábado, 29 de julho de 2017

Curtas!

Eu tinha aqui dito que ia a uma atividade bem gira, proposta do programa Divam da Região de Cultura do Algarve, e fui, e levei todos. 

Inicialmente pensei em levar apenas os 4 mais velhos e deixar os bebés numa avó, assim também teria uma noite mais descansada, mas há ultima da hora não fui capaz e lá fui com os 6. 

Ao chegarmos o cenário era este, opá!!! Que delicia! 
Estava vento e um pouco de frio, mas nada que os casacos que levei para todos não resolvessem. Os miúdos correram, brincaram e exploraram e por fim juntaram-se a nós para o delicioso jantar. 


A Neves que confecionou deliciosas iguarias a apresentar o menu. 








Depois do jantar entramos na ermida onde já tudo estava montado para a sessão de cinema que era para ser ao ar livre mas o vento e o frio não deixaram. 

Bom, ali sentada, com o Zé ao colo, a Rosita no carrinho a dormir e os outros 4 deitados no chão de olhos colados no grande ecrã, só conseguia pensar na sorte que tenho, temos!

Foi uma sessão espetacular de 9 curtas metragens, muito muito boas, de estilos diferentes mas todas capazes de prender a atenção de adultos e de crianças. 

Que atividade extraordinária! Mais umas, das muitas que vão aqui acontecendo e gratuita, ideal para famílias numerosas e miúdos em férias. 




sexta-feira, 28 de julho de 2017

Temos macacos?

Tenho tido muitas conversas com a Joana, ao ritmo dos jogos de tabuleiro, às quartas à noite  ou nos encontros de mães e pais, tudo na Lua.
São conversas boas, descontraídas, sem pressas e sem compromissos, são daquelas conversas ricas e boas para se ter a qualquer hora, mesmo que sejam carregadas de interrupções dos miúdos.

Nesta ultima noite em que estivemos por lá nos jogos de tabuleiro, no meio de uma destas conversas, sai de repente a Joana com o "Sim, já editamos um livro, não te tinha ditos?"

Não, como era possível eu ainda não saber deste livro?? Escrito e ilustrado pela Joana, e tão divertido. Adorei, li-o logo ali em voz alta para o Zé e a Julieta que se riram no fim.
E foi tão divertido ir vendo as caras de todos à medida que se apercebiam que o livro tinha sido escrito pela Joana, de quem eles tanto falam e de quem já gostam tanto.


E que juramento tão bom no fim! 

Obrigada Joana por nos lembrares que é tão importante rir como uma criança, toda a vida!


"Eu juro:
não enrolar macacos nos dedos e, principalmente, não os atirar pelo ar, porque os macacos não sabem voar!" 

Vais resistir? 

A edição é limitada, nós já temos o nosso, assinado pela Joana. Se quiseres um para ti escreve para a Lua info@atealua.pt 

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Há gente muito parva!!

Ou do tipo "já te calavas para não dizeres m#$&#  "

Diálogo com um sr que vende bilhetes para o Slide&Splash
- Por acaso não tem desconto para famílias numerosas?
- Temos desconto para mais de 10 pessoas ...
- Mas eu digo para família numerosa, não um grupo!
- Sim, para nós famílias  numerosas é a partir de 10 pessoas
- Desculpe mas em Portugal e no mundo, família numerosa é considerado a partir de 3 filhos e eu tenho 6!
- Mas não é portuguesa, pois não?
- Diga???!! (eu incrédula com a pergunta e a pensar que tinha ouvido mal!)
- Com 6 filhos não é portuguesa.
- Não estou a perceber, sou portuguesa sim, então, por ser portuguesa não posso ter 6 filhos?
- Pode, mas não tem televisão com certeza! ( a rir-se na minha cara com ar de parvo!)

Fui politicamente correta (não sei como) e simplesmente disse ao sr que iria à concorrência que me oferecia 25% de desconto por ser sócia da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (aquelas que têm mais de 3 filhos!)


Cinema ao ar livre ... e não só!


Esta é uma magnifica proposta para uma noite diferente.

“Le Plein du Super”
Sessão de cinema ambulante e Gastronomia do Mundo na Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe

Um jantar com gastronomia do mundo seguido de uma sessão de cinema ao ar livre, parece-me mesmo muito boa ideia.
Eu já me inscrevi com os mais velhos, lá estaremos, porque actividades destas não são para se perder. Fica aqui a dica apara quem procura actividades interessantes.




Toda a informação e inscrições aqui Direcção Regional de Cultura do Algarve  

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Babywearing e água

Verão implica água, banhos, chapinhanços, salpicos, brincadeiras à beira mar ou piscina e com um bebé de colo podemos ter alguma dificuldade. 

Para continuar nestas brincadeiras, com os outros filhos, mas também proporcionar novas experiências à Rosita este ano tenho comigo um sling de argolas de água. 
A combinação perfeita de babywearing com água. É de um material de secagem rápida, não é quente e é confortável para mim e para a Rosa. 

Não dá para nadar 10 piscinas em bruços ou crawl, porque eu nem sei nadar esses estilos, mas principalmente  porque não serve para isso. 
Serve sim para brincar à beira mar ou piscina e ainda assim ter o bebé junto a nós, ao colo, mas com as mãos livres. 
Serve para ir do carro à praia e para a saída também, mesmo que o bebé esteja molhado não faz mal. 
Serve para ter as mãos livres para carregar o saco de praia ou dar a mão a outro filho. 
Basicamente junta todas as vantagens do babywearing com o prazer da brincadeira à beira mar. 











Post em parceria com a  Rebento.pt onde pode comprar o Sling de água

terça-feira, 25 de julho de 2017

5h58 da manhã

Alguém é capaz de dizer aos meus filhos que isto são horas altamente perigosas para acordar? Principalmente se isso significar acordar uma mãe de 6 filhos ...

Domingo, férias e eles acham que no máximo dormem até às 7h da manhã, e estou a falar de todos, desde o Tiago com quase 13 anos (ai o que eu gostava de dormir até ao meio dia quando tinha 13 anos) à Rosita com quase 1 ano (aqui já não sei quantas horas eu dormia ... ).

Claro que foram severamente castigados, com uma ida à praia!!
Foram "obrigados" a tomar o pequeno almoço às 7 da manhã e eram 8h18 e já estavam todos na carrinha (escapou-se neste caso o Tiago que estava a dormir na avó).
Carrinho de praia pronto, toalhas, protector e uma bola. Às 8h20 estava a tomar um café ao cimo da rua (sim porque sem cafeína isto podia ser ainda pior).

8h35 estaciono e abro a porta da carrinha, frio ... vento ... e sol.


- Oh mãe mas está frio!
- Pois está, mas eu tenho aqui casacos para todos e na praia podem correr para aquecer (conseguem sentir o tom maléfico com que eu proferi estas palavras?)

E pronto, o resto foram 2 horas de uma praia só para nós, com banhos, sol e até calor.







segunda-feira, 17 de julho de 2017

Arqueologia em Vale de Boi

É já um ritual anual, a nossa peregrinação ao serro onde estão as escavações arqueológicas de Vale de Boi. 

Ainda não havia o Dia Aberto e nós já lá íamos todos os anos, agora com esta abertura ao público ainda melhor. A equipe do professor Nuno Bicho já nos conhece, e já consegue ver as diferenças nos nossos miúdos, de ano para ano! Estão crescidos ... e são mais! (começamos a lá ir tínhamos ainda só o Tiago e a Teresa!)

O ano passado falhamos neste ritual porque eu estava muito grávida, mas este ano lá fomos, numa tarde bem quente, ver como estavam a correr os trabalhos.

Os miúdos gostam da parte de descobrir ossinhos e pedrinhas na terra com as peneiras, e foi isso que fizeram nesta visita, até a Rosita pôs a mão na terra (e terra na boca, claro)!








A descoberta de uma pedra que servia como faca para cortar ossos mais duros.




A Rosita a fazer o que melhor sabe onde e quando lhe apetece!


Rosita carregada num sling de argolas fresco e confortável da Crianza Natural


domingo, 16 de julho de 2017

A paragem!

Aqui se faz adeus a quem parte, aqui se abraça quem chega, aqui brincam os miúdos da escola enquanto o autocarro chega e não chega, aqui se juntam senhoras a ver quem passa.

Apesar de não passarem em Budens os expressos de longo curso, este foi o mote para esta grande obra de arte. As lembranças de quem partiu, o que fica para trás, a infância, a juventude, os velhos, o moinho ... a aldeia.

Não sei o nome de quem pintou, sei que foi um rapaz e uma rapariga, com mestria de quem sabe desta arte, deixaram a paragem linda e com vontade de lá parar.

As pinturas são tema de conversa, é giro ouvir as várias opiniões e interpretações. Dá vontade de sentar e apreciar. Adoro o pormenor da miúda no triciclo de cuecas à mostra! Gosto das cores, gosto de imaginar o que pensa o homem deitado, o que levará na mala.

Gosto das letras em grande destaque, quem chega sabe que chegou a Budens!









Assim ao longe até quase que o Tiago passa por viajante! 



Claro que agora há quem vá dizer que isto é tudo por ser ano de eleições ... olha e se for, pelo menos ficou obra feita, e bonita! (muito mais há a fazer ... digo eu que nem gosto de politica!)

sexta-feira, 14 de julho de 2017

Olha que dois!

Um a preto outro a branco, mas eles lá se entendem entre os tachos e panelas. Tal pai tal filho e se um cozinha bem o outro já não lhe fica muito atrás.

Juntos cozinharam para um jantar de aniversário, que deixou toda a gente deliciada. Uma ementa criada a rigor, cheia de paladares interessantes que fizeram com que quem degustou fizesse uma verdadeira viagem de sabores.

Mais se seguirão, e o raio do puto até fica bem de jaleca!












quinta-feira, 13 de julho de 2017

João, o rapazinho!

O João já fez 8 anos! Passaram a correr e ele está com ar de rapazola, principalmente depois do novo corte de cabelo. Já não quer que seja o pai Fura Bolos a cortar-lhe o cabelo, já não quer ser um dos nossos escovinhas (já só resta o Zé).

Como estão todos de férias optamos por um almoço em família e ao fim da tarde fomos juntar-nos à festa de aniversário do Até à Lua .

Aqui ficam umas fotos da festa, que apesar da grande ventarola (para não dizer bezaranha de levantar tudo nos ares), foi bem divertida e diferente.



Irmãos aos pares!!




 A festa no parque!



A vela possível! Um fosforo que aguentou uns segundos aceso, até o vento, ups, até o João o apagar!





O futuro está no xilofone!


Ou no diablo!




E os resistentes ainda ficaram para ouvir a Julieta improvisar uns sons na viola do Nuno (Até à Lua)