quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Que grande susto!

Tenho muitas coisas giras e boas para vos contar mas entretanto também apanhei um grande susto!

Em 22 anos de carta de condução nunca tinha tido um acidente, nem grande nem pequeno, mas no domingo passado passei por essa má experiência!

Distracção minha, condução apressada, pensamentos fora do carro, não sei mais ... e não vi um stop, nem me apercebi que estava a chegar a um cruzamento ... nada, até ver um carro vir direito a mim!

A seguir foi o barulho, o pião e o bater num poste até ficar parada!
Quando sai do carro, apesar de nervosa estava estranhamente calma e com os dois pés bem firmes no chão, agradeci! Agradeci estar de pé, agradeci os meus 6 filhotes estarem em segurança em casa e agradeci os ocupantes do outro carro estarem também bem.

Que grande susto, ainda vem de vez em quando à cabeça, e naquele domingo de calor agradeci estar bem! (também prometi sair de casa com mais tempo e não trabalhar aos domingos!)

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Destrói este diário

Como é que eu nunca tinha ouvido falar disto??

Pois é, se calhar porque NÃO andava na Lua, agora que vou Até à Lua de vez em quando, nada destas coisas giras me escapa!

A Teresa ganhou no aniversário um cheque presente do Até à Lua e uma destas tardes fomos lá, só eu e ela, ah e a Rosita, para encontrar o presente ideal.
Aviso já que escolher presentes nesta loja é extremamente difícil!

A Teresa foi passeando pelas prateleiras dos livros, estava decidida que era um livro que queria, eu desafiei-a a encontrar um livro que fosse mais que um "simples" livro de histórias, e nisto tropecei no caixote que a Joana tinha acabado de receber.

"Destrói este diário" estava logo em cima e eu que tinha acabado de ver no facebook que ia começar um desafio em cadeia com este livro, coisa de youtubers, que para mim que sou cota mas mãe de adolescentes é coisa ainda a interiorizar, mas que neste caso até achei que tinha a sua piada. Para quem gosta destes desafios pode ver aqui como participar.




Folheamos e não demorou muito à Teresa dar umas quantas risadas e fazer algumas caras de espanto por ler num livro coisas como "Mastiga esta página, mas atenção, não engulas" ou "Parte a lombada deste livro" Oh mãe, mas eu não vou fazer isto!!

Trouxemos o livro e na manhã seguinte enquanto eu bebi um café descansada, porque só levei 2 comigo, a Teresa e o Zé, eles andaram à procura de insectos mortos ... para colar no diário!






QUE NOJO!!! Foi a reacção dos manos quando a Teresa mostrou a página!

Destruição criativa, li a introdução do livro e gostei, acho mesmo que todos devíamos ter um livro destes ... para aqueles momentos de grand ... CRIATIVIDADE!!

sábado, 23 de setembro de 2017

Listas

Ir às compras com 4 listas de material! Epá!!! 

Check, check check! 

Fiz o grosso das compras de material (livros e material básico) pela internet e com direito a 15% de desconto para famílias numerosas, na Firmo, mas ainda assim quando chegaram as listas específicas de cada um tive que ganhar coragem e ir ao supermercado. 
Felizmente a loucura já passou, as prateleiras de material escolar já voltaram ao tamanho normal e à sexta feira ao fim da tarde está mais malta a querer comprar jantar do que material escolar. 

Está quase, o Setembro está quase a passar ...




Eles são 6 e comigo 7!!

Foi o que senti na véspera do primeiro dia de aulas.

Sabem aquela excitação própria do primeiro dia, a roupa, as dúvidas, o telemóvel, os cadernos, o lanche, as conversas, as questões, os choros, os medos, a fome ... sabem isso tudo? Pois é, isso vezes 6 + 1 (eu!) em 6 + 1 idades diferentes.

Estava a mexer uma panela de "one pot pasta" , porque num fim de dia como aquele só dava mesmo para ir por aí, e à minha volta, pela casa havia uma excitação geral, com tudo o que isso representa.
A Rosita tinha fome e já estava a choramingar na cadeira da papa, o Zé estava cansado do 1º dia dele na pré e queria atenção, a Teresa estava muito ansiosa porque começar o 2º ciclo é mesmo assim, o Tiago estava na onda de adolescente com as questões do costume e o João e a Julieta numa de excitação/confusão própria dos seus 8 e 6 anos !!

E eu mexia a massa!

Admito que respirei fundo umas quantas vezes e também me congratulei por ter aguentado sem gritar (bem melhor que nos últimos dias de férias em que o cansaço já estava a tomar conta de mim)!

Está quase, o Setembro está quase a passar ...

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

O recomeço ou ... o começo!

Às 7h30 da manhã o Zé olhou para mim e disse "hoje vou à escola e vou-me divertir!".
Boa Zé é esse o espírito!

Não se calou um bocadinho, estava eufórico, escolheu a roupa, vestiu-se sozinho, verificou tudo na mochila, tomou o pequeno almoço e, às 8h30 já só queria estar de mochila às costas à porta de casa!!
Eram 9h quando subimos a rua a pé para o levar à escola.
Hoje foi o único cá de casa a começar, mas nem falámos nisso para não estragarmos o dia dele!

Entramos todos, 7 pessoas para levar 1 à escola, mas o que é facto é que ele se despediu de todos, pendurou a mochila, disse que queria ir brincar para a casinha e foi lá que agarrado a um telefone a "fazer chamadas" me deu um beijinho e disse até logo!
Pronto, e foi assim, ao 5º filho mais uma entrada pacífica no jardim de infância, onde eles se sentem em casa e eu sinto TOTAL confiança em os deixar!




Mas o dia de regressos e inícios não estava acabado por aqui. Às 10 horas era a apresentação da Teresa no 5º ano!
O ritual que fiz com o Tiago há 4 anos, repeti-o agora com a Teresa. Fomos as duas sozinhas de autocarro, simbolizando a 1ª viagem para o que vai ser o dia a dia dela nesta nova etapa.
Entretanto o pai Fura Bolos levou na carrinha os outros todos e encontramo-nos à porta da escola.
O Tiago reencontrou amigos por lá e lá ficou, e nós seguimos para a apresentação. A Rosita às costas do pai e o João e a Julieta a apoiarem a Teresa.
Foi tudo muito bem explicado, depois tratamos de todas as questões práticas como marcar almoços e carregar o cartão com dinheiro para lanches e era hora de vir embora.

Amanhã já é a sério.


Sobrevivemos ao dia de apresentações, amanhã temos o primeiro dia a sério!

São 6 filhos, 5 deles em 4 ciclos diferentes de ensino!! UFA!! 

Dez anos de Teresa!

A Teresa hoje começou assim o dia, na paragem do autocarro com um sorriso! 

Hoje fez 10 anos, a Teresa, JÁ fez 10 anos e para ser um dia ainda mais marcante e especial, começou hoje mais uma grande etapa de vida, o 2º ciclo!

Esta manhã foi assim, com um sorriso e o sol a bater-lhe na cara que esperamos na paragem pelo autocarro, para fazermos a viagem que ela fará todos os dias nos próximos 5 anos! Só eu e ela, 10 km de viagem, entre conversas e silêncios, entre olhares nervosos e sorrisos. 

A nossa Teresa já tem 10 anos, e passaram a correr! Que sejas sempre feliz minha filhota, que continues a dar as tuas gargalhadas contagiantes, és um amor de menina (ainda que às vezes pareças um furacão!).







sábado, 9 de setembro de 2017

Questionar para mudar

Irrita-me profundamente quando questionamos alguém sobre um protocolo e a resposta é " mas é assim que tem que fazer" ou "sim, mas é assim" ou ainda melhor (pior) "porque é assim!" .

Minha gente gira e menos gira que trabalha atrás de balcões, secretárias ou mesinhas de um qualquer serviço publico (ou até mesmo privado, mas nestes como pagamos a coisa pia mais fino), quando alguém questiona um protocolo NÃO está a por em causa a qualidade do seu trabalho mas sim a eficácia e qualidade do protocolo em si.

Só questionando conseguimos compreender e mudar (quando necessário) algo que está mal ou menos bem.

Vamos lá!
Gente gira atrás de balcões, sejam mais abertos e menos defensivos, ninguém vos quer atacar, normalmente queremos só respostas construtivas e esclarecedoras em vez de uns "porque é assim" .

(E mudou, o protocolo que questionei, mudou!)