quarta-feira, 20 de abril de 2011

Assunto sério : Meias sem par

Parece brincadeira mas é um assunto sério.

Somos 6 cada 1 com 2 pés dá um total de 12 pés, se cada 1 tivesse 1 só par de meias para cada dia da semana eram 7 pares vezes 6 pessoas vezes  2 pés ou seja  84 meias, mas o drama é que cada um tem mais do que 7 pares de meias ... E é aí que começa a confusão.
O Tiago chega a casa e tem comichão num pé, repare-se que é só num, então descalça 1 meia, só 1, e coça.
A Teresa decide que em vez de ténis quer andar de chinelos, mesmo sendo de Inverno, então vai até á entrada e descalça as 2 meias que trazia nos pés.
O João acha graça ao pé, já sabe dizer meia e já as sabe tirar também, o problema é que perde uma na cama e a outra não sabemos bem onde.
A Julieta roça um pé no outro, quando damos conta já só tem 1 meia calçada, a outra caiu algures, em casa ou na rua.
E não vou aqui aprofundar muito as meias dos adultos, vou proteger a nossa intimidade.
Depois é hora de lavar tudo, ou não, ou de lavar só as que se encontra.
Quando estendemos já se começa a perceber que não vai ser fácil. Uma aqui outra ali, afinal aquela está lá no fundo do estendal.
E o drama vem na altura de juntar e dobrar. É o jogo dos pares, os miudos gostam mas fartam-se depressa, e vão ficando, vão se juntando outras de outras lavagens e ficam...

Até chegar uma 3ª feira qualquer em que o pai Fura bolos está de folga e agarra no saco, nos sacos.



O Tiago calça o 33, a Teresa o 27, o João o 25, a Julieta o 17 ... isto é fácil de ver quando estão desdobradas, mas e dobradas???? Que diferença faz um par de meias 33 azul de um castanho 25? Tanto pode ser do João como da Teresa ou até mesmo do Tiago. Salvam-se as cor de rosa que só podem ser das meninas e a diferença entre o 27 e o 17.

 E o serão chega ao fim com um cesto de meias dobradas e mais 2 sacos de meias desemparelhadas.

Sugestões para resolver ou minimizar este problema.
* Lavar a roupa de cada um em separado e num dia diferente ... somos 6, já só nos sobrava o domingo para descansar.
* Usar meias de cores e feitios diferentes, e esperar que a moda pegue, por aqui já vimos gente a fazer isso, e confesso que entre o azul escuro e o preto a diferença é pouca...
* Fazer bonecos para os miudos com as meias que sobram, já fizemos e resultou


* E porque não um chouriço para a porta? Cortar o pé a várias meias, cose-las umas ás outras, encher com mais meias soltas e fechar as pontas. Deve ficar no minimo divertido, com tantas cores e padrões. Surgiu agora essa ideia... vou experimentar e depois hei-de contar o resultado.


Dia de folga para o pai Fura bolos é dia de tentar dormir mais um pouco.
Esta manhã foi assim, tinha os T's na nossa cama, a Julieta veio mamar e lá ficou, só o João não apareceu porque ainda está na cama de grades e não consegue sair.
Foi boa ideia comprar uma cama mais larga (mas que coubesse no quarto).




E no fim da noite, ainda as meias não estávam arrumadas e eis o que saltou para o sofá! Será que queria ajudar? Apanhei um susto, a coitada também estáva assustada, com as patas cheias de pelos da carpete e perdida. Deve ter entrado pela porta do quintal e devagar devagarinho lá atravessou a sala sem ninguém dar por isso!