terça-feira, 23 de agosto de 2016

Em modo "Setembro"

O Agosto já passou de meio, os miúdos já perguntam pela escola, as turmas já saíram, já temos algum material escolar comprado, já temos alguns livros cá em casa ... e eu já mudei para o modo "Setembro", que é como quem diz, regresso as aulas e rotinas mais ou menos organizadas.

O nosso calendário de parede não é de Janeiro a Dezembro, é de Setembro a Agosto, assim estamos todos em sintonia e os miúdos identificam melhor o tempo de escola e de férias, para mim é já um hábito, afinal cá em casa eles são 6 e nós só somos 2.


O que faço a cada novo Setembro é arranjar uma folha genérica e em branco de calendário e imprimir para 12 meses, depois é só agarrar num calendário e preencher o nosso com os meses, dias, feriados ... prefiro assim do que imprimir um já preenchido, gosto de ser eu a dar-lhe vida. Fica sempre com espaço para ao longo dos dias, semanas e meses lhe irmos acrescentando notas, lembretes, tarefas, datas importantes, é um calendário que vive connosco o ano todo.




Depois é preciso também um horário escolar para cada um dos que já andam na escola, neste caso 4. Precisamos saber quando há ginástica para uns, musica para outros, a que horas sai outro ... são 4 horários diferentes e era impossível ter tudo controlado sem estar bem visível.


Ainda estamos em Agosto, mas eu já estou com a cabeça em Setembro e não estaria a ser honesta se não dissesse que sim, tenho saudades dos meses de escola, as férias já vão longas e já está difícil de os entreter.

Esta noite foi de busca por novas ideias, novas tabelas, novas cores. Estamos quase em Setembro ... e há que começar o ano lectivo com tudo já colocado na nossa "estação de comando".

Foi em Setembro de 2014 que eu tive a ideia e escrevi que "Vamos tentar", e funcionou mesmo! Não só tentámos como conseguimos implementar o conceito cá em casa e agora já ninguém passa sem a "estação de comando".