terça-feira, 1 de março de 2016

A biblioteca da escola

Na escola nova aqui da aldeia há uma biblioteca toda gira. Está bem mobilada, bem orientada e tem muitos livros novos para os meninos lerem.
Cada turma da primária e a turma do jardim de infância têm um dia para ir à biblioteca e cada menino pode trazer um livro para casa o que significa 3 livros novos por semana para ler cá em casa.

Nós temos a sorte de ter 5 filhos que adoram livros, os que já sabem ler, os que inventam pelas imagens e o que só folheia e procura os animais, mas todos gostam, por isso ir a uma biblioteca é um prazer.

Ora sabendo disto estranhei a Julieta me dizer um dia que não queria ir mais à biblioteca, não queria trazer mais livro nenhum. Sondei o porquê e em primeira conversa disse-me que os livros eram sempre os mesmos e estava cansada. Falei com a educadora Guida que me explicou que eles iam por ordem de idades, mas que ia ter mais atenção para a próxima e inverter a ordem para ela ter mais escolha...

Mas a Julieta continuava descontente, e eu insisti para saber a razão. Então a miúda lá me disse que o problema é que os livros eram dispostos numa mesa ou no parapeito da janela e assim não era como nas bibliotecas a sério! A Julieta no Verão ia com os manos à biblioteca municipal requisitar livros, é uma moça conhecedora destes espaços.

Então lá falei novamente com a nossa querida Guida, que me explicou que era para facilitar, os livros eram postos assim, mas que ia experimentar de outra maneira.
E assim foi, um dia apesar de contrariada lá foi a Julieta, de mão dada com a Guida à biblioteca, e quando ela lhe disse:
- Podes escolher Julieta, qualquer livro destas prateleiras. - Os seus olhitos brilharam e com os deditos lá percorreu as lombadas dos livros até encontrar um que queria.

E foi assim, juntas que, eu, mãe e Guida, educadora, desbloqueámos esta situação, tão simples de resolver mas que requeria atenção.

Agora eu estou feliz porque a Julieta voltou a gostar de ir à biblioteca, a Guida está feliz porque com a minha ajuda pôde mudar algo tão simples mas que faz toda a diferença e a Julieta está feliz porque pode "resitar" (requisitar) livros da prateleira.
 Para os outros meninos não sei se fez diferença, para a Julieta fez e por saber que estive atenta, fico feliz.



(foto retirada do blog da Biblioteca de Vila do Bispo