quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Há quanto tempo eu não lia um livro!

Para ler é preciso tempo e tempo é um bem precioso que às vezes, muitas vezes,  me foge entre os dedos enquanto faço tantas outras coisas.

Para nascer também é preciso tempo e enquanto espero que um bebé nasça, ofereco-lhe o meu tempo esperando, e lendo.

"A história de um caracol que descobriu a importância da lentidão" não podia vir mais a calhar, cada vez mais a vida é a correr e para nascer é preciso lentidão, é preciso tempo, dar tempo, ter tempo e esperar, esperar que lentamente o corpo da mulher se abra e que lentamente o bebé viaje.
O trabalho de parto deve ser um evento sem pressas, lento, harmonioso, envolto em amor e lentidão para dar tempo e lugar ao nascimento potente, forte e enérgico de um bebé e de uma mulher.

Sem pressas espero.

E a noite trouxe-me de volta a casa, mas ainda à espera. 




1 comentário:

  1. meu deus eu desde que tive o filho nc mais consegui acabar um livro ihih

    ResponderEliminar