sábado, 20 de abril de 2013

Já houve tempos

Andar na moda ou nem por isso, e eu gosto tanto de andar assim!

Ultimamente tenho andado enfiada nestas socas de jardim, em casa ou na rua e no meu chapéu de aba larga.

Gosto de sentir o sol e de ter sombra nos olhos, gosto de andar calçada mas a qualquer momento tirar a soca e meter o pé no chão, gosto de ser eu, de me sentir bem e de estar à vontade, dentro e fora de casa! 




Já houve tempos em que andava de saia travada e de salto alto, haverá até fotos que documentam esses tempos e essas modas, houve tempos em que andei de lábio pintado e risco no olho, em que ia a lojas para ver as ultimas modas em que me perdia em centros comerciais. 

Hoje há tempo, em vez de tempos, há tempo, tenho tempo, para andar de socas e chapéu, e andar assim pela aldeia, com tempo, sem tempos.